segunda-feira, 8 de outubro de 2007

Novo piso de professores é aprovado

Comissão da Câmara aprova piso salarial para professores de nível médio e superior

Roberta Lopes
Repórter da Agência Brasil

Brasília - A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados aprovou hoje (3) o Projeto de Lei que institui o piso salarial para professores: R$ 950 para docentes com formação em nível médio e R$ 1.100 para os de formação em nível superior.

Esses valores devem ser atingidos gradualmente até 2010.

O texto aprovado hoje é o substitutivo do relator da matéria na Casa, deputado Severiano Alves (PDT-BA), aos Projetos de Lei 7.431/O6, do Senado Federal e 619/07 do Executivo.

O projeto do Executivo previa piso de R$ 850 para os professores de nível médio, enquanto o do Senado previa um piso de R$ 800 para docentes com a mesma formação. Os valores para os professores de nível superior não foram alterados pelo deputado.

Para a presidente da Confederação dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Jussara Dutra, a aprovação do piso é uma conquista para os professores, mas ainda não é o suficiente para a categoria.

"Ela é fundamental, mas, evidentemente, queremos ainda um aperfeiçoamento, porque ele não coincide com as nossas pretensões e necessidades como trabalhadores em educação".

A entidade pede R$ 1.050 de piso para professores com formação em nível médio e R$ 1.575 para formação em nível superior.

O projeto aprovado hoje segue para análise nas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; de Constituição e Justiça e de Cidadania.