quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Editais abertos para criação artística e festival de música

O campo artístico fluminense acaba de ganhar dois novos editais. Foram abertas nesta segunda-feira (18/10) as chamadas públicas para Festival de música e Apoio à pesquisa e criação artística, seleções que acontecem pela primeira vez este ano. Juntas, somam R$ 440 mil, e representam uma iniciativa da Superintendência de Artes da Secretaria de Estado de Cultura.


O edital direcionado às mostras musicais foi criado com o objetivo de preservar a presença desses eventos em todo o estado. “Existem festivais periódicos em diversos municípios fluminenses. A tradição de festivais de música de diferentes naturezas é muito forte em todo o Brasil, e o Rio de Janeiro não foge à regra”, explica Eva Doris Rosental, superintendente de Artes da Secretaria de Cultura.

A chamada vai selecionar cinco projetos, que vão receber R$ 40 mil cada. Os candidatos podem ser pessoas físicas ou jurídicas, mas precisam comprovar que já atuam na realização de festivais de música no estado há pelo menos dois anos. Além disso, serão consideradas apenas as propostas de festivais que apresentem pelo menos 10 artistas ou grupos.

Processo criativo
Já o edital para Apoio à pesquisa e criação artística abrange quatro categorias: Artes Visuais (Projeto Artístico), Dança (Coreografia), Música (Composição para Orquestra de Câmara de Música Contemporânea) e Teatro (Texto Dramatúrgico). Serão contemplados dois projetos em cada uma delas, que vão ganhar R$ 30 mil cada.

Esta chamada tem uma característica peculiar: os proponentes devem indicar um orientador, que vai acompanhar todo o processo de pesquisa e criação. Estas deverão ser realizadas dentro de um prazo de 240 dias, sendo os últimos 30 reservados para a mostra do trabalho criado, em um espaço cultural do estado.

“Esse edital é diferente porque valoriza o processo de criação em si, e não só o produto final”, destaca Eva, que completa: “O processo, claro, desemboca num resultado. Mas fato é que, durante a pesquisa e a criação, o artista terá o acompanhamento de um orientador com quem pode manter um diálogo permanente e, assim, tornar a fase de criação menos solitária e mais produtiva”.

As inscrições para ambos os editais ficam abertas até o dia 10 de dezembro.

Acesse o site da Secretaria de Cultura e veja os editais na íntegra

2 comentários:

Pinheiro disse...

Excelente!! Vou repassar a informação!

Franklin Couto disse...

Idem!